segunda-feira, 28 de abril de 2008

Qui

Amigos são os que nos telefonam, os que nos gritam, os que nos apertam a mão, os que riem connosco, os que ficam contentes pelas nossas vitórias. São os que nos fazem cara má, os que nos abraçam, os que sabem reconhecer o nosso silêncio mas que anseiam pelo nosso ruído. Amigos são os que não têm razões para nos relembrar que gostam de nós, são os que não esperam nada e dão tudo.
Amigos são os que não cobram, os que apertam o nosso coração nas mãos quando nos esquecemos de o respeitar. São os que nos guardam dentro da carteira, na parede do quarto, na moldura ao lado da cama. São os que conhecem a nossa família, o nosso cão, a nossa vida; sem perguntar. Que se sentam à nossa mesa e que não são novidade.
Amigos são os que se preocupam tanto que se sentem, também eles, perdidos de frustração por não poder ajudar.
São os que estão sempre por ali naturalmente. Que quando não estão, quando não dizem nada, fazem falta.
Fala comigo, acorda, responde-me.

Tenho saudades tuas.

5 comentários:

Analog Girl disse...

Que lindo!
:)

Cate disse...

Sua estúpida, pára de me fazer chorar :') Gosto de ti.

Marta disse...

HOW SWEETY, JUNI JU :)

Caroca disse...

Fogo, até eu tava quase a chorar!

pacheco disse...

chorar é para os fracos.